Home  Quem Somos  Cadastre-se  Anuncie no Rural News  Fale Conosco 
Busca
 

 

 
Enquete
Qual a sua área de atuação profissional?
Agricultura
Pecuária
Agricultura e Pecuária
Outra área dentro do setor rural
Fora do setor agropecuário

 

 Indique este site

O coelho gigante de Flandres

autor: Dr. Márcio Infante Vieira
data: 24/02/2015

O coelho gigante de Flandres é criado em grande escala na Bélgica, seu país de origem e onde sua criação sistemática fez com que atingisse um elevado padrão. Seu tamanho e peso foram obtidos por uma longa e constante seleção, aliada a uma consangüinidade e a um regime de superalimentação.

Atualmente, o gigante de Flandres é uma das raças de maior tamanho, atingindo seus exemplares mais de 10 quilos. O peso mínimo desta raça é de 5kg para os machos e 6kg para as fêmeas. É encontrado em todo o mundo e entra na formação de todas as raças de coelhos gigantes. É criado principalmente na Bélgica, França, Alemanha, Holanda, Inglaterra e Estados Unidos.

No Brasil existem boas criações, com ótimos exemplares. Muitas dessas criações, com tradição no mercado, obtém bastante sucesso com esses coelhos.

É um coelho que produz uma carne abundante e de boa qualidade, embora inferior à das raças médias e pequenas. Suas peles, embora não sejam da mesma qualidade das obtidas com as raças pequenas, médias e especializadas, atingem bons preços, devido ao seu grande tamanho.

Para que os coelhos atinjam o máximo de desenvolvimento que esta raça pode apresentar, são necessários maiores cuidados e uma alimentação especial ou mesmo uma superalimentação, o que não deixa de ser um sério inconveniente para os criadores, que terão um custo de alimentação maior.

Apresentam uma grande vantagem, pois sua introdução, em qualquer criação, faz com que aumente o tamanho dos coelhos comuns ou de outras raças e por conseguinte, o seu peso. É, portanto, aconselhável para a produção de mestiços, mas quando adotado o cruzamento intercorrente. Embora não sejam prolíficos como as das raças médias, as coelhas de Flandres são ótimas criadeiras.

Como ocorre com todos os gigantes, os coelhos dessa raça têm um crescimento mais lento e só atingem seu completo desenvolvimento com 1 ano de idade.

Variedades

O padrão belga reconhece 8 variedades:

- branca de olhos róseos;

- parda;

- as cinzas (3 tonalidades);

- preta;

- azul;

- fulva.

« voltar

Indique a Matéria
Seu Nome:
Seu Email:
Nome do Amigo:
Email do Amigo:
Comentários:

 

 

Publicidade
Info Rural News
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial por qualquer meio ou processo, sem autorização expressa do Ruralnews.
Copyright 2005. © RuralNews - Todos os Direitos Reservados. Desenvolvido por Pontaweb